Em 2004, Nayyef Hrebid, um tradutor iraquiano que servia ao exército americano, e Btoo Allami, um soldado iraquiano, foram surpreendidos ao encontrarem o amor em meio a uma nação dividida pela guerra e pelo terrorismo.

“O mais bonito dessa história é que, apesar de estarmos constantemente em perigo e podíamos perder nossas vidas, nosso amor nos fazia esquecer e lutar por uma vida onde pudéssemos viver juntos” disse Allami.

O romance surpreendente dos dois virou o tema de um documentário intitulado Out of Iraq, que estreou nessa semana na Inglaterra e nos EUA. O filme conta a história dos dois desde que se conheceram na guerra até seu casamento nos EUA, uma década depois. Não foi um caminho nada fácil para os dois.

 

 

Após se encontrarem em 2004, os dois rapidamente se apaixonaram, mas precisaram manter o relacionamento em segredo, pois LGBTs sofrem forte perseguição no Iraque. Em 2009, quando as milícias começaram a fazer dos tradutores militares seus alvos, Hrebid ganhou asilo nos EUA e se mudou para Seattle. Allami não teve a mesma oportunidade.

O filme também mostra os dolorosos anos em que os dois precisaram ficar separados, tentando todas as alternativas possíveis para se reencontrarem, assim como as dificuldades e preconceitos que Allami encontrou no processo de pedido de refúgio. Os dois hoje são ativistas pelos direitos LGBTQ para refugiados.

Acima você confere o trailer de Out of Iraq (infelizmente sem legendas 🙁 ).

Com informações da NBC.COM