O excelente fotógrafo Gianfranco Briceño, que ficou famoso pelo projeto Snaps Fanzine, está de volta. O Snaps, que chegou ao fim este ano, era um projeto que exaltava a beleza, naturalizando a nudez masculina.

Agora, o fotógrafo apresenta o seu novo trabalho: KCT Private Club. Com a premissa de desmistificar o sexo gay, Gianfranco traz as facetas do gay hipersexual, libertário e despudorado. As imagens são do acervo foram registradas nas festas da Grande São Paulo no fim de 2010.

“Afinal, é hora de tirar o tabu de cima do sexo gay, da expressão artística dos corpos versus outros corpos”, diz a página do projeto. “O KCT acompanha esses rapazes […] em uma jornada de autoexpressão e empoderamento da própria sexualidade.”

O projeto gráfico é de Guilherme Falcão.

Assim como funcionava o Snaps, o primeiro volume do KCT Zine é um projeto colaborativo em que o leitor recebe sua cópia assim que a meta de apoios for alcançada. A página do projeto no Catarse já está aceitando apoio e tem a entrega estimada para dezembro de 2016.

Vale a pena conhecer o projeto na página do Catarse.

Quebrando o tabu: conheça o KCT Private Club

Quebrando o tabu: conheça o KCT Private Club

Quebrando o tabu: conheça o KCT Private Club