A plataforma Aliança Plural viabiliza apoio gratuito a pessoas LGBTQIA+ que precisem de suporte jurídico e/ou psicológico em casos de abuso ou agressão.

Com o espírito de unir a comunidade e não soltar a mão de ninguém, a Aliança Plural surgiu como ideia de proteção de amigos e desconhecidos. É um site que coloca pessoas LGBTQIA+ que precisem de apoio jurídico ou psicológico em contato com profissionais voluntários.

“Nossa tarefa é realizar o contato entre quem precisa de ajuda e aqueles que querem ajudar gratuitamente. Por isso, elaboramos a plataforma para conectar voluntários e acolhidos, selecionados cuidadosamente em nossa rede”, explicam.

Como funciona?

Todo voluntário cadastrado passa por uma verificação de registro junto à OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) e CRP (Conselho Regional de Psicologia). Averiguamos a atuação profissional e o histórico pessoal de cada um a fim de verificar se possui o perfil e o comprometimento necessários ao projeto.

Para manter a segurança de todas as partes, os dados inseridos na plataforma não ficam permanentemente registrados e serão deletados após as devidas conferências. Os voluntários não recebem os nomes reais dos acolhidos, caso estes optem pelo anonimato com o uso de um apelido. 

O site

O site (https://aliancaplural.wordpress.com) conta com um espaço para o registro de pedidos de ajudar e para o cadastro de voluntários. Também estamos nas redes sociais com conteúdos de interesse da comunidade LGBTQIA+. Facebook: www.facebook.com/aliancaplural, instagram e twitter @aliancaplural